October 17, 2017

Em pronunciamento na tribuna da Casa da Cidadania, nesta quarta-feira (19), o líder do Governo na Câmara, vereador José Carneiro (PSDB), se pronunciou sobre uma matéria do jornal Folha do Estado, intitulada “Vereadores criticam secretários municipais”.

“Ontem, eu não estava na sessão e aconteceram alguns pronunciamentos, que hoje saem estampado no jornal Folha do Estado: ‘Vereadores criticam secretários municipais’. Eu queria inicialmente dizer que cada vereador é dono do seu mantado, que nós vereadores somos donos do nosso mandato. Eu não vou fazer críticas aqui a pronunciamento de ninguém, agora vou fazer algumas ponderações: todo vereador tem a liberdade de se expressar livremente porque esta tribuna é livre, esta tribuna é do vereador, ele fala o que pensa, o que ele sente”, disse.

José Carneiro acrescentou: “nós temos uma bancada de 18 vereadores. Eu não quero aqui dizer aqui que existe perfeição, que não existe insatisfação, claro que existe. Agora, eu não poderia, de maneira alguma, concordar com o que disse o vereador Reinaldo Miranda, de forma generalizada: ‘vereadores criticam secretários municipais’”.

O líder governista garantiu que o município de Feira de Santana tem um secretariado composto por “homens preparados, educados, pessoas que estão comprometidas com a gestão do prefeito José Ronaldo de Carvalho”.

José Carneiro pediu cautela aos seus pares com relação a críticas aos secretários municipais, ressaltando que, apesar de ser bem tratado nas Secretarias Municipais nem sempre suas solicitações são atendidas. “Mas não é por isso que eu saio chateado, claro, a gente fica triste. Essas coisas, a gente tem que tomar um pouco de cuidado para não ferir algumas pessoas que não merecem”, disse.

Para evitar novos  conflitos, José Carneiro informou que, na condição de líder do Governo, irá propor ao prefeito José Ronaldo uma reunião com o secretariado e a bancada governista.

Ele salientou ainda que o prefeito tem uma bancada governista coesa e que,  semanalmente,   o chefe do Executivo Municipal atende os vereadores por meio de audiência nas quintas-feiras. “E  roupa suja a gente  lava é em casa. Se tem alguma mágoa, a gente vai dizer: prefeito, eu estou insatisfeito com o secretário A, secretário B, que fez isso, que fez aquilo. Não adianta a gente fazer estardalhaço, porque não resolve”, pontuou.

Download PDF

Redação

Comentários estão fechados.