“Domingos Santeiro” é o mais novo cidadão feirense

Nascido na cidade de Lagarto, no estado de Sergipe, Domingos José da Paixão, viu em Feira de Santana a oportunidade de transformar a sua vida. Em 1993, mudou-se para o distrito de São José e a partir de então, se empenhou no âmbito artístico ao elaborar poemas, cordéis e esculturas, dando grande contribuição cultural ao município. Atendendo ao pedido de autoria do vereador Marcos Lima (Patriota), a Câmara Municipal concedeu na noite desta quarta-feira (14), o Título de Cidadão Feirense ao artista.

Marcos Lima enalteceu a trajetória e trabalho do artista “esse sergipano que venceu a fome e todas as dificuldades impostas pela vida, escolheu a Princesa do Sertão não só para morar, mas para nos enriquecer com sua arte. Ele não só é referência na xilografia com suas belas esculturas, mas ele, ao se alfabetizar trilhou pelo caminho da bela literatura de cordel. Os reconhecimentos não foram poucos, muitos prêmios e honrarias. Mas, faltava algo para completar o reconhecimento desse grande artista: o Título de Cidadão Feirense”.

Radiante com a honraria, Domingos Santeiro declarou o seu amor pela cidade “essa foi a terra que eu escolhi e eu não troco Feira de Santana por Nova York, Paris ou por terra nenhuma no mundo. Eu só tinha um sentimento: não ser filho de Feira de Santana, que me acolheu tão bem como um forasteiro. Mas, hoje, eu recebo a certidão de nascimento no coração da cidade, na Casa da Cidadania, onde pulsam todas as leis que regem o município. É uma satisfação muito grande!”.

A sessão foi conduzida pelo segundo vice-presidente do Legislativo, Marcos Lima, que compôs a Mesa de Honra ao lado do secretário Municipal de Governo e representante do prefeito Colbert Martins - Paulo Aquino; do homenageado da noite, Domingos José da Paixão e do seu amigo, o professor Marcelo Santana dos Santos.

Confira mais fotos AQUI.

Compartilhe

Mais Notícias