Tourinho alerta para gravidade da Covid-19 e de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti

Na  última sessão ordinária da 1ª etapa do 4º período da 18ª Legislatura, realizada na Câmara Municipal de Feira de Santana, na manhã desta terça-feira (30), o vereador Roberto Tourinho (PSB) demonstrou sua preocupação com o crescimento de casos da Covid-19 em meio ao surto da Dengue, Zika Vírus e Chikungunya em Feira de Santana.

O parlamentar chamou atenção para a gravidade destas doenças e declarou: “seguramente, todos nós já perdemos um amigo pela Covid-19. Seguramente alguém aqui já tomou conhecimento de um parente próximo, de Feira ou de qualquer lugar, que tenha perdido a vida nesta pandemia. E, agora também estamos assistindo o crescimento de pessoas próximas infectadas com Dengue, Zika Vírus ou Chikungunya”.

Neste sentido, Roberto Tourinho reivindicou por maior engajamento do Governo Municipal no combate à Covid-19 e às doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti. E lamentou: “não temos acompanhado pela Secretaria Municipal de Saúde ações concretas no combate a Dengue, Zika Vírus e Chikungunya. O país está vivendo a pandemia da Covid-19 e Feira de Santana já ultrapasosu, infelizmente, a csa de 50 óbitos”.

Ainda na tribuna, Roberto Tourinho opinou sobre o recesso parlamentar, que suspenderá os trabalhos legislativos da Casa da Cidadania durante o mês de julho. O vereador lembrou as tentativas de redução deste período e declarou que “o ideal seria que Feira de Santana não tivesse 30 dias de recesso, mas sim 15”. Em aparte, o vereador Edvaldo Lima (MDB) afirmou que também havia tentado reduzir os dias do recesso parlamentar, entretanto, não teve êxito.






Compartilhe

Mais Notícias